Sábado, 08 de Maio de 2021 17:14
(35)9 9728-9913
Dólar comercial R$ 5,23 -0.93%
Euro R$ 6,36 -0.08%
Peso Argentino R$ 0,06 -0.94%
Bitcoin R$ 327.569,28 +2.767%
Bovespa 122.038,11 pontos +1.77%
Campo Belo Operação Policial

Olho Vivo ajuda Polícia Militar a prender criminosos que haviam cometido estelionato em Campo Belo/MG

O Portal de Notícias que está onde os fatos acontece.

13/04/2021 19h49 Atualizada há 4 semanas
1.624
Por: Hudson Barbosa Fonte: ACO/8°BPM
ACO/8°BPM
ACO/8°BPM

No último dia 09 de abril, por volta de 11 horas, chegou até a polícia militar uma denúncia, informando que um indivíduo estaria na casa de uma pessoa para recolher seu cartão de crédito, relatando ser funcionário de uma agência bancária e que o cartão da vítima havia sido clonado.

Diante dos fatos, aparentando ser um golpe, os militares da 161ª Cia, se deslocaram imediatamente até a residência da vítima, porem o autor não se encontrava no local.

Os policiais foram informados que, inclusive o suspeito teria levado da vítima seu cartão de crédito, onde foi feito uma compra de 4.000 mil reais no débito em uma maquininha de cartão, logo após pegar o cartão com a vítima.

Diante desse flagrante, foram feitos contatos em todos os hotéis e pousadas de campo Belo, onde foi descoberto que os autores haviam se hospedado em um deles.

Foto do veículo capturada pelo Olho Vivo

Através de levantamentos, os Policiais Militares descobriram a identidade de dois autores e o veículo que eles ocupavam foi identificado através do Sistema de Câmera "Olho Vivo", o que facilitou a identificação dos envolvidos.

Com as características dos autores em mãos, foram feitos contatos com diversas cidades do Sul de Minas, repassando as características e o veículo que os autores estavam.

Após todo o cerco fechado para os criminosos, eles acabaram sendo presos em uma barreira montada na cidade de Cambuí/MG, há cerca de 250 km de Campo Belo/MG.

Com os autores foram apreendidos 2.500 reais em espécie;

Cerca de 60.000 reais em recibos de compra das maquininhas de cartão feitas entres os dias 05 ao dia 9 de abril;

Além de portarem 7 maquininhas de cartão de crédito.

Os autores foram presos em flagrante e a investigação ficará a cargo da Polícia Civil para demais providências.

Vale ressaltar que graças a ação rápida dos Policiais Militares e da utilização do Sistema de Monitoramento "Olho Vivo", que os autores foram reconhecidos e presos.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.